Riscos e cuidados na movimentação de executivos

VALOR ECONOMICO

Luiz Gustavo Mariano, sócio da FLOW, fala sobre os riscos e cuidados na movimentação de executivos em momentos de crise em entrevista para o Valor Econômico.

O que um executivo empregado deve avaliar quando recebe uma prosposta?

Stela Campos, jornalista do Valor Econômico, questiona o que um executivo que está empregado deve avaliar quando recebe uma proposta de emprego. Segundo Luiz Gustavo Mariano, “O momento é delicado. As empresas estão buscando um desempenho maior. Então, normalmente, essa vaga que abriu é uma vaga de substituição.”

Ainda segundo Mariano, “O profissional que for procurado deveria desenvolver o entendimento do porquê que a pessoa está sendo substituída, o que a empresa espera e o que não deu certo para que ele possam olhar para dentro do momento dele e entender se de fato aquilo é possível de ser feito, se há espaço e se ele consegue implementar as mudanças”.

Analisar os motivos da movimentação

Antes de mudar de empresa, é necessário analisar quais são os reais fatores de expulsão que fizeram buscar uma nova posição no mercado. Normalmente pode ser um momento da empresa que não oferece mobilidade, autonomia ou a liderança, analisa Mariano.

Uma proposta irresistível

A empresa tem que estar bem, ter mobilidade e deixar claro para o candidato quais os desafios e perspectivas a médio prazo dentro da organização

Para mais conteúdos sobre Carreira, clique aqui.

Your email address will not be published. Required fields are marked *