Falta de aderência à cultura da empresa desmotiva executivo

valor econonico

Em entrevista ao Valor Econômico, o sócio da FLOW Igor Schultz, fala sobre a pesquisa, A força do propósito das empresas na atração e retenção de talentos. Segundo dados da pesquisa, executivos querem colocar sua motivação a favor de desafios profissionais alinhados a suas crenças e convicções.

Os desafios profissionais, a cultura da empresa e a presença de lideranças são fatores de satisfação mais importantes para executivos do que a remuneração, segundo um levantamento realizado pela empresa de recrutamento FLOW Executive Finders.

A pesquisa, que contou com as respostas de 515 profissionais em cargos gerenciais, de direção ou de conselho, foi motivada pela percepção dos headhunters da empresa de que os executivos passam cada vez menos tempo na mesma empresa.

Os números do levantamento reforçam essa noção – a maior parte dos entrevistados, 45%, está na mesma empresa há menos de dois anos, e apenas 24% estão na mesma companhia há mais de cinco. “Todos têm o discurso de que querem ficar, mas o ciclo de permanência nas organizações está diminuindo”, diz Igor Schultz, sócio da FLOW.

Para acessar o conteúdo completo, clique aqui.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *